+

Monografias

"A IMPORTÂNCIA DE APRENDER SOBRE O FOTOPERÍODO: UM OLHAR DA FÍSICA NO CONTEXTO INTERDISCIPLINAR"

ROBSON ANTONIO LEITE

O trabalho tem o objetivo apresentar uma estratégia para o ensino-aprendizagem de Ciências da Natureza partindo de conhecimentos de Física, no caso foi feita uma análise estatística da duração do fotoperíodo (intervalo de tempo do “nascer” ao pôr-do-Sol), na cidade de Maringá, nos dias de solstício e equinócios, assim como, nas diferentes estações do ano e na distribuição mensal do ano, pois estes dados são de suma importância para diversos estudos na área da saúde humana, em especial para estudos relacionados às desordens afetivas sazonais. Os dados diários de cada uma das variáveis submeteram-se ao cálculo de média simples referente a cada estação do ano e cada mês e foram elaborados gráficos referentes as estações e aos 12 meses de cada ano. Evidenciou que o fotoperíodo é ascendente na primavera, com o maior valor no verão, declina no outono, atinge o ponto mínimo no inverno, com um nítido comportamento circanual. A insolação máxima total (fotoperíodo) sofre alterações de algumas horas nesta latitude, sendo então necessária à sua distribuição anual diferenciada para melhor análise. Calculou-se o desvio padrão para algumas das médias analisadas. Foi introduzido o conceito e calculado o coeficiente de variação do fotoperíodo para cada mês do ano. Pôde se abordar também o cálculo da integral de uma destas distribuições, introduzindo o conceito geométrico da integral que pode ser trabalhado de forma simples no ensino médio. Conseguindo assim, somar o valor de todos os fotoperíodos do ano e calcular o fotoperíodo médio para a cidade em questão dividindo pela quantidade de dias do referido ano. Demostrando assim, a interdisciplinaridade nas Ciências da Natureza em conjunto com as Ciências Humanas e da Saúde.